Minha história com o mundo do software livre

Minha história com o software livre, tem longa data, comecei a tentar utilizar quando estava na faculdade, por volta de 2006 , não por incentivo da faculdade, mas por incentivo de amigos de turma. Acho um erro cursos relacionados a tecnologia não incentivarem a utilização de software livre, pois o mesmo dá mais liberdade e possibilidades para quem está aprendendo a programar.
Mas voltando a minha experiência, tentei começar por uma distribuição para usuários experientes em Linux, o Slackware, mas logo desisti devido a dificuldade de achar drivers para um modem que eu tinha, e também precisava compilar a maioria dos programas para essa distribuição. Minha internet na época era uma conexão discada e utilizava apenas nos momentos em que se cobrava apenas um pulso(de madrugada e aos fins de semana). Fui para o Kurumin que era baseado no Knoppix que ja vinha com vários scripts de automação, drivers e era livecd. E vinha com apt-get do debian trazendo assim uma gama enorme de programas já compilados que eu podia instalar com um simples “apt-get install” o que facilitou bastante minha vida :). Mas mesmo assim acabei voltando para o Windows, pois não tinha uma motivação forte para continuar usando o sistema, a zona de conforto me venceu naquele momento.

No final de 2015, decidi aprender uma nova linguagem de programação, Ruby juntamente com o Framework Rails. Ao tentar instalar o ambiente de desenvolvimento no Windows, não sei se por azar ou por inexperiência com a linguagem/framework não conseguia instalar de jeito nenhum em meu computador, mesmo com o instalador RailsInstaller que seria o modo mais fácil. Tentei instalar em mais dois computadores, mas só no terceiro computador obtive sucesso que por sinal era uma máquina bem antiga. Em pesquisas na internet vi que muitas distribuições Linux já vinham com pacotes instalados do Ruby, ou tinham pacotes para instalar em seus repositórios, não pensei duas vezes e instalei Linux novamente em meu pc, agora eu tinha uma motivação forte, aprender algo novo. Iniciei pela distribuição mais “amigável” Ubuntu, a partir dai fui aprofundando meus conhecimentos no mundo do software livre e sua filosofia. Comecei a perceber e analisar as diferentes motivações que levam usuários para o mundo Gnu/Linux, alguns vão pela “liberdade” que é garantir que seus dados não irão ser copiados e vigiados por corporações, evitando assim que a sua privacidade seja invadida. Outros usam porque é de graça mesmo. Outros usuários usam porque querem saber como um sistema operacional funciona e o software livre te dar essa possibilidade, existe “N” motivações e o primeiro passo é encontrar a sua.

Motivação – Chave para o sucesso

Assim cheguei a conclusão que para usuários migrarem de um SO que estão acostumados para Outro, é igual a começar ou aprender qualquer coisa nova em sua vida. Primeiro você precisa ter uma motivação forte,  e depois dar o primeiro passo o resto é só perseverança e prática.

One Reply to “Minha história com o mundo do software livre”

Comments are closed.